Como Instalar PostgreSQL no Linux CentOS e Red Hat ?

A maioria das plataformas Linux, como Debian, Red Hat / CentOS, SUSE e Ubuntu tem PostgreSQL integrado com seu gerenciamento de pacotes.

É recomendado que você instale o PostgreSQL dessa forma, pois ele garante uma integração adequada com o sistema operacional, incluindo patch automático e outras funcionalidades de gerenciamento de atualização.

Para baixar e instalar o PostgreSQL no Linux, visite a página de download e selecione sua distribuição Linux.

Neste tutorial, mostraremos como instalar o PostgreSQL no CentOS 8.

Instale PostgreSQL no Linux CentOS 8

Ao visitar a página de download do PostgreSQL para o CentOS , você encontrará o script que permite instalar o PostgreSQL no Linux CentOS. Você precisa executá-los um por um

Primeiro, execute o seguinte comando para criar a configuração do repositório de arquivos:

Todas essas distribuições incluem PostgreSQL por padrão. Para instalar o PostgreSQL a partir desses repositórios, use o comando yum no RHEL 6 e 7:

yum install postgresql-server

ou comando dnf no RHEL 8 e Fedora:

dnf install postgresql-server

Incluído na Distribuição

Todas essas distribuições incluem PostgreSQL por padrão. Para instalar o PostgreSQL a partir desses repositórios, use o comando yum no RHEL 6 e 7:

yum install postgresql-server

ou comando dnf no RHEL 8 e Fedora:

dnf install postgresql-server

A versão do PostgreSQL que você obterá dependerá da versão da distribuição:

DistribuiçãoVersão
RHEL / CentOS / OL 810 e 9.6 via módulos
RHEL / CentOS / SL / OL 79.2 (também fornece o pacote rh-postgresql10, rh-postgresql96, rh-postgresql95 e rh-postgresql94 via SCL)
RHEL / CentOS / SL / OL 68.4 (também fornece o pacote rh-postgresql96, via SCL)
Fedora 3312
Fedora 3212

Outras distribuições da família Red Hat podem fornecer uma versão diferente do PostgreSQL por padrão, verifique com seu fornecedor de distribuição para ter certeza.

O repositório contém muitos pacotes diferentes, incluindo complementos de terceiros. Os pacotes mais comuns e importantes são (substitua o número da versão conforme necessário):

cliente postgresqlbibliotecas e binários de cliente
servidor postgresqlservidor de banco de dados núcleo
postgresql-contribmódulos adicionais fornecidos
postgresql-develbibliotecas e cabeçalhos para desenvolvimento de linguagem C
pgadmin4Utilitário de administração gráfica pgAdmin 4

Pós-instalação

Devido às políticas para as distribuições da família Red Hat, a instalação do PostgreSQL não será habilitada para início automático ou terá o banco de dados inicializado automaticamente. Para completar a instalação do seu banco de dados, você precisa executar as seguintes etapas, com base na sua distribuição:

Para RHEL / CentOS / SL / OL 6

Para RHEL / CentOS / SL / OL 7, 8 Ou Fedora 31 E Distribuições Derivadas Posteriores:

Download RPM direto

Se você não puder ou não quiser usar o método de instalação baseado em yum, todos os RPMs que estão no repositório yum estão disponíveis para download direto e instalação manual também.

Conecte-se ao servidor de banco de dados PostgreSQL via psql

No PostgreSQL, uma conta de usuário é chamada de função . Por padrão, o PostgreSQL usa autenticação ident .

Isso significa que o PostgreSQL irá associar suas funções às contas de sistema do Linux. Se houver uma função no PostgreSQL, a mesma conta de usuário Linux com o mesmo nome é capaz de efetuar login como essa função.

Quando você instalou o PostgreSQL, o processo de instalação criou uma conta de usuário chamada postgres associada à função postgres por padrão .

Para se conectar ao PostgreSQL usando a função postgres, você alterna para a conta postgres em seu servidor digitando:

Ele solicitará a senha do usuário atual. Você precisa fornecer a senha e apertar o Enter.

Em seguida, você pode acessar o PostgreSQL usando o psql, digitando o seguinte comando:

Você acessará o prompt do postgres assim:

A partir daqui, você pode interagir com o PostgreSQL como emitir uma consulta.

Para sair do prompt do PostgreSQL, execute o seguinte comando:

O comando acima o levará de volta ao  prompt de comando do  postgres Linux.

Carregue o banco de dados de amostra

Para carregar o banco de dados de amostra no servidor de banco de dados PostgreSQL, siga estas etapas:

Primeiro, mude a conta postgres usando o seguinte comando:

Ele solicitará a senha do usuário atual. Você precisa digitar a senha do usuário atual e pressionar o Enter.

Em segundo lugar, baixe o banco de dados de amostra usando a curlferramenta:

Quarto, acesse o PostgreSQL usando a psqlferramenta:

Quinto, crie o banco de dados usando a instrução  CREATE DATABASE:

Sexto, saia do psql usando o comando \q:

Sétimo, use a  ferramenta pg_restore para restaurar o banco de dados Locadora:

Oitavo, acesse o servidor de banco de dados PostgreSQL novamente usando psql:

Nono, mude para o banco de dados Locadora:

Agora, você está conectado ao banco de dados locadora:

Finalmente, digite o seguinte comando para obter o número de filmes na tabela filme:

Aqui está o resultado:

Parabéns! você instalou com êxito o PostgreSQL no CentOS, conecte-se ao servidor de banco de dados PostgreSQL usando psql e carregue o banco de dados de amostra.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.